Exercícios para aumentar a flexibilidade

1-3-1024x672 (1)

1

Nos dias de hoje cada vez existe uma maior preocupação com o nosso corpo, não só o físico, aquele que nós e os outros vêm, mas também o interior que faz com que o nosso organismo funcione a toda a velocidade. Daí que procuremos com afinco exercitar o nosso corpo, de modo a mantermo-nos mais ativos e com mais energia para as atividades quotidianas. Contudo, como o tempo para treinar é cada vez menor é habitual deixarmos de lado alguns passos imprescindíveis para o nosso bem-estar, nomeadamente o alongamento dos músculos.

Ao fugir aos exercícios de alongamento vai estar a cometer um grande erro, pois vai estar a diminuir a sua capacidade de flexibilidade, que é bastante benéfica para a diminuição de tensões e lesões musculares; proporciona leveza dos movimentos; estimula a circulação sanguínea aumentando assim a capacidade de raciocínio; relaxa o corpo e a mente; melhora a respiração e prepara o corpo para a prática de qualquer atividade física. Mas desengane-se se pensa que a flexibilidade só é importante para os praticantes de exercícios físicos, na realidade a flexibilidade é importante para todos, especialmente para as pessoas mais sedentárias uma vez que ajuda-o a equilibrar a musculatura e a promover a elasticidade corporal.

Por isso já sabe não deve de todo prescindir da sua flexibilidade. Se por ventura não sabe quais são os exercícios, que o podem ajudar a ganhar e aumentar a sua flexibilidade, nós temos algumas dicas para si.

 

Exercício para trabalhar a parte inferior das costas

Primeiro comece por se deitar com as costas assentes no chão e levante uma das pernas até formar um ângulo reto. De seguida, dobre o joelho e leve-o até junto do peito, envolvendo esta perna com os braços de modo a exercer uma maior pressão. Mantenha esta posição durante 20 a 30 segundos e repita o exercício alternando as pernas e depois com as duas ao mesmo tempo.

 

Exercício para as pernas e coxas

Sentando-se em uma cadeira com as costas retas e os pés colados ao chão, apoie-se com os braços em ambos os lados da cadeira e inspire profundamente. O próximo movimento é levantar lentamente uma das pernas até estar paralela ao chão enquanto expira. Mantenha esta posição durante 2 segundos, e de seguida inspire e baixe-a até esta voltar a tocar no chão.

 

Exercício para desenvolver a flexibilidade do pescoço

Comece por mover a cabeça de um lado para o outro, e depois mova-a de frente para trás. É importante que não faça estes movimentos com muita rapidez, para evitar lesões nos músculos do pescoço.

  

Exercício para desenvolver os ombros e o peito

Coloque-se de pé e deixe os braços ficar para baixo, lado a lado com o tronco. O passo seguinte passa por elevar os braços lentamente até formarem uma cruz, sendo que depois deve movimentá-los de formar circular para os 2 lados.

 

Exercício para melhorar a zona lombar

Sente-se no chão e dobre um dos joelhos e, depois deixe o seu tronco tombar suavemente para a frente. Repita o exercício as vezes que desejar alternando as pernas.

 

Exercício para desenvolver as pernas e tornozelos

Primeiro deve adotar uma posição de pé, com um pé na frente do outro. O movimento que deve adotar de seguida passa por apoiar as 2 mãos numa parede, deixando cair sobre estas todo o peso do seu corpo. Aqui vai estar a exercer uma maior pressão na zona posterior da perna que se encontra mais atrás.

 

Exercício para as coxas e ancas

Comece por apoiar um dos braços contra uma parede ou cadeira, e dobre a perna oposta agarrando o pé com a mão puxando-o delicadamente. Repita os mesmos movimentos, mas desta vez com a outra perna.